IMPORTADOS
· Diversos
LIVROS TÉCNICOS
· Administração
· Agronomia
· Biologia - Ecologia
· Direito
· Diversos
· Engenharia Ambiental
· Engenharia de Alimentos
· Engenharia Florestal
· Entomologia
· Estatística
· Fisiologia Vegetal
· Fitopatologia
· Irrigação - Hidráulica
· Medicina Veterinária
· Química
· Zootecnia
 




ATLAS DE ANATOMIA TOPOGRÁFICA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS
R$ 573,00


  LIVROS TÉCNICOS >>> Agronomia
 
MANUAL DE DESCRIÇÃO E COLETA DE SOLO NO CAMPO
 
MANUAL DE DESCRIÇÃO E COLETA DE SOLO NO CAMPO     
  
Por: R$ 25,00 
 
 

   
   
   

Clique na imagem para ampliá-la
Descrição
Lançado em 1963, o Manual de Descrição e Coleta de Solo no Campo esteve no dia a dia de gerações de profissionais - pedólogos, geógrafos, professores, estudantes, etc. -, que lidam com levantamento e interpretação de solo. Trata-se de obra de referência na padronização de descrições e orientações para coleta, identificação e classificação de solos. Nesta 6ª edição, procurou-se complementar e ilustrar alguns aspectos da descrição e coleta de solos visando à sua atualização e maior abrangência, mantendo, porém, sua estrutura original. Para tanto, foram valiosas as contribuições recebidas pelos autores ou levantadas por ocasião de eventos promovidos pela SBCS e Embrapa Solos, com destaque para as Reuniões de Classificação e Correlação de Solos (“RCC”).

O Manual constitui documento oficial da SBCS no que diz respeito à definição e normatização das características morfológicas normalmente utilizadas na descrição e coleta de perfis de solos no campo. Embora seja útil para diversos fins, seu objetivo principal é a uniformização da linguagem empregada na metodologia de campo para a descrição de perfis, com destaque para aqueles descritos e coletados nos trabalhos de levantamentos pedológicos.

É, portanto, fruto do trabalho e da experiência de pedólogos de diversas instituições que trabalham ou trabalharam em levantamentos pedológicos, no ensino de solos e que vêm tentando melhorar conceitos e padronizar a linguagem pedológica ao longo dos anos no país. A SBCS é grata a todos que contribuíram para que esta obra chegasse onde chegou e espera novas sugestões para seu aprimoramento.

Esperamos que esta edição venha ao encontro dos anseios de toda a comunidade que lida com a descrição de solos no campo ou que dela se utiliza para fins didáticos.

I. SOLO, PERFIL E HORIZONTES – 1
A. Descrição morfológica de perfis de solos – 3
B. Seleção do local para descrição do perfil – 7
C. Sequência para exame morfológico do perfil – 7

II. HORIZONTES DO SOLO – 8
A. Espessura e arranjamento dos horizontes – 8
B. Transição entre os horizontes – 11
C. Estudos das características morfológicas dos horizontes – 12
1. Cor – 12
2. Textura – 17
3. Estrutura – 21
4. Porosidade – 33
5. Cerosidade – 33
6. Superfícies de Compressão e de Fricção – 34
7. Consistência – 35
8. Cimentação – 38
9. Nódulos e concreções minerais – 39
10. Presença de minerais magnéticos – 40
11. Presença de carbonatos – 40
12. Presença de manganês – 40
13. Presença de sulfetos – 40
14. Eflorescências – 41
15. Coesão – 41
D. Identificação e nomenclatura dos horizontes – 42
Dupla sequência de horizontes – 43
1. Horizontes principais – 44
2. Horizontes transicionais – 45
3. Horizontes intermediários – 46
4. Designação e características dos horizontes e camadas subordinadas (sufixos) – 46
5. Súmula de sufixos aplicados aos símbolos de horizontes e camadas principais – 52
Normas complementares para notação de horizontes ou camadas – 53

III. REGISTRO E REDAÇÃO DAS DESCRIÇÕES – 53
A. Descrição geral – 54
B. Descrição morfológica – 58

IV. CARACTERÍSTICAS COMPLEMENTARES – 59
A. Pedregosidade – 59
B. Rochosidade – 59
C. Relevo – 60
D. Erosão – 62
E. Drenagem do perfil – 64
F. Vegetação primária – 65
G. Raízes – 67
H. Fatores biológicos – 67

V. EXEMPLOS DE DESCRIÇÕES DE PERFIS DO SOLO – 67

VI. COLETA DE AMOSTRAS – 83
A. Amostras para caracterização analítica de perfis – 83
B. Amostras extras para caracterização analítica – 85
C. Amostras para determinação de densidade – 85
D. Amostras com estrutura não deformada – 85
E. Amostras indeformadas para análise micromorfológica – 86
F. Amostras de rochas para estudos complementares – 87
G. Amostras para caracterização analítica da fertilidade para fins de levantamento – 87
H. Amostras para caracterização analítica de fertilidade para fins de assistência ao agricultor – 88
I. Amostras de solos com elevado teor de matéria orgânica – 88

VII. FORMULÁRIOS – 89
A. Modelo de ficha para descrição de perfil – 89
B. Modelo de ficha para descrição de amostras extras – 90
C. Modelo de ficha para descrição de amostras superficiais para assistência ao agricultor – 91
D. Modelo de ficha para descrição de amostras superficiais compostas visando a caracterização da fertilidade do solo – 91

VIII. LISTA DO MATERIAL NECESSÁRIO PARA TRABALHOS DE CAMPO – 92
Literatura Recomendada – 93
Anexo 1 – 95
Anexo 2 – 96
Anexo 3 – 97
Anexo 4 – 98
Anexo 5 – 99

Autores: Raphael David dos Santos, Raimundo Costa de Lemos, Humberto Gonçalves dos Santos, João Carlos Ker, Lúcia Helena Cunha dos Anjos e Sérgio Hideiti Shimizu
Ano: 2013
Número de Páginas: 100
Tamanho: 15,5 x 23 cm
Editora: Sbcs
Acabamento: Espiral
ISBN: 978-85-86504-03-7
Prazo de entrega
Prazo de entrega: Sedex de 03 a 05 dias úteis e PAC de 05 a 15 dias úteis
Indique este produto
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome (para):
E-mail(para):
Comentários:
 
Voltar
vazio

IRRIGAÇÃO DA CULTURA DO TOMATEIRO ORGÂNICO: enfoque no manejo de doenças e de insetos-praga
R$ 12,00
MANUAL DE IDENTIFICAÇÃO DE DOENÇAS DE SOJA
R$ 15,00
ROCHAS E PROCESSOS ÍGNEOS: um guia prático
R$ 126,00
CLT SARAIVA & CONSTITUIÇÃO FEDERAL - acompanha clt legislação saraiva de bolso
R$ 94,50

Ver Todas as Novidades
——————————————————————————————

CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone/Fax (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Formas de Pagamento
—————————————————————————————
Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados